Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Entra e Senta

Entra e Senta

Seg | 03.05.21

Sussurros das Trevas

E quando o verdadeiro vilão não é o fantasma que nos assombra a casa, mas sim o homem em quem confiamos? É neste dilema que se encontra Catherine, que se muda para Hudson Valley assim que George, o seu marido, aceita ser professor de história de arte numa universidade privada. Com tempo livre e após algumas conversas, rapidamente se apercebeu que não conhecia o homem com quem tinha casado.

Em primeiro lugar, adorei a forma como a história se desenvolveu. Senti-me como Catherine, que dia após dia perdia o amor e a confiança em George. Qualquer outra mulher, como Willis e Justine, foram capazes de ver a sua personalidade manipuladora e desvendar as suas mentiras assim que o encontraram, mas Cath levou algum tempo para desconstruir a imagem que tinha do marido e aceitar a verdade.

Em segundo lugar, o uso dos “fantasmas” e “assombrações” como algo positivo que ajuda a personagem principal foi um twist do qual não estava à espera. No começo da história, pensei que o vilão seria a mulher que assombrava as noites de Cath e da sua filha, mas na verdade esta pretendia avisá-la do perigo que corria e fazer justiça para evitar que esta tivesse o mesmo fim que ela. No fundo, encontramos aqui uma união para quebrar o ciclo que realmente assombrava aquela casa há gerações: o ciclo da violência contra a mulher.

Por fim, não posso deixar de confessar que o final me dececionou, não por não corresponder às expectativas, mas sim por esperar algo diferente. Isto talvez reflita a minha indignação como mulher relativamente à normalização da violência, principalmente na década em que a história é desenvolvida (1980).

Concluindo, Sussurros das Trevas é um filme de terror que talvez não agrade a todos, mas que é sem dúvida um filme com conteúdo e que nos surpreende até ao fim. Está disponível desde dia 30 de abril na Netflix, para quem o quiser assistir!

Nota: 4/5

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.